• Paraíso Perdido
Um dos maiores poemas épicos da literatura ocidental - de uma tradição que inclui a Ilíada e a Odisseia de Homero, a Eneida de Virgílio e a Divina Comédia de Dante -, o Paraíso perdido foi publicado originalmente em 1667, na Inglaterra, em um período especialmente turbulento daquela nação. Seu autor, John Milton (1608-1674), foi um dos grandes intelectuais de seu tempo e destemido apoiador da Revolução Puritana inglesa, que depôs e executou o rei Carlos I e proclamou a República em 1649. Com a restauração da Monarquia em 1660, Milton caiu em desgraça e, por um problema de saúde, gradualmente acabou perdendo a visão. Foi nessa condição que ele compôs este espantoso poema de 10.565 versos, inspirado no Gênesis, que narra a rebelião de Satã contra Deus, a Criação do Mundo e a Queda do Homem pela desobediência de Adão e Eva no Jardim do Éden.
Dotado de uma imaginação prodigiosa, por vezes herética, Milton, que havia defendido o divórcio, a liberdade de imprensa e até a poligamia, criou aqui o clássico da literatura cristã do século XVII. Desde então, o autor de Paraíso perdido tem sido aclamado por escritores como Voltaire ("um criador de maravilhas que ninguém jamais havia sonhado antes"), Keats ("seu estilo é dotado de uma extraordinária beleza, sem precedentes") e Borges ("ele sabia que seria um grande poeta mesmo antes de sê-lo").
A presente edição, bilíngue, traz a elogiada tradução do premiado poeta português Daniel Jonas, que segue de perto a versificação e a musicalidade do original. Completam o volume as notas e o posfácio do tradutor, uma apaixonada apresentação do crítico Harold Bloom, e a fantástica série de cinquenta ilustrações de Gustave Doré, publicadas em 1866.
Informações técnicas
Número de Páginas 896
Ano de Publicação 2015
Editora 34
Autor JOHN MILTON
ISBN 9788573266115
Comprimento (cm) 23
Largura (cm) 16
Altura (cm) 4,4

Paraíso Perdido

  • Editora: 34
  • Disponibilidade: Em estoque
  • R$138,00
  • R$110,40


Participe de nossas news com promoções e novidades!